sábado, 29 de dezembro de 2012

Ensina-nos a contar os nossos dias em 2013!

  Eu aqui a fazer tantos planos para 2013, refletindo sobre o que foi 2012, até que esbarrei em algumas porções do Salmo 90 e concordei com Moisés: nossos anos acabam-se como um breve pensamento!
Tudo passa tão rápido! Por quê ligamos pra tanta coisa? Por quê somos tão complicados, fervendo em tão pouca água? De tudo, que é tão pouco, fazemos verdadeiras tempestades!
 
  Se foi bom ou ruim, 2012 foi apenas um breve pensamento! 2013 eu peço a Deus que Ele me ensine como contar cada dia. Em 2013, que o meu dia não tenha apenas 24 horas, mas que haja tempo para amar sem reclamar ser amado, que haja tempo pra perdoar quem não merece ser perdoado, até porque já fomos perdoados em Jesus, num perdão que nem mesmo nós as vezes perdoamos a nós mesmos. Que seja tempo, de não contar o tempo, aprendendo a viver o tempo eterno.
 
  Peço que hoje, ainda em 2012, Deus me perdoe pelos meus erros. Que passe na mente de Deus apenas como um breve pensamento. Que eu, comigo mesmo, não fique recordando tanto o que passou, porque afinal foi muito breve, mas que meditando no plano da brevidade que a vida tem, que eu a faça valer a pena, porque ela desvanece sem que percebamos.
 
  Senhor, que eu não fique nenhum dia sem Jesus, porque ficar sem Ele apenas um minuto, dói-me uma eternidade. Que eu aproveite todo tempo Nele para que em mim, seja como se nunca fosse ter fim. Que o que é eterno em 2013 seja manifestado, o que é passageiro passe, como um passado a não ser visitado.
 
  Que o meu coração abrigue os tesouros que não passam, e quando o que é terreno bater a porta eu diga: ESTÁ OCUPADO!
 Que eu cuide do meu corpo físico com muito carinho, mas pensando no meu espírito, e nunca busque o Espiritual com vistas no terreno. Mas que eu faça de tudo o que é terreno e passageiro, um convite para olharmos o eterno.
 
  Ela, a vida vai passando. Mas pra nós a parte que fica, é como ela passa. Será gritando que ela é passageira? Ou sussurando que o que vale é o sopro do Eterno anunciando o vento da esfera de um tempo que não terá fim que está por vir.
 
 Num breve pensamento
 Andre Luiz

Alguém sabe aonde estão os meus pertences?


  Ao longo dos anos perdi algumas coisas, não posso negar. O problema é que se eu ficar tentando procurar pelo resto da vida, vou ficar triste e decepcionado porque nem tudo eu voltarei a encontrar. Quando perdemos alguma coisa, descobrimos o quanto nós seres humanos odiamos perder, seja o que for!
  Muitos passam a vida a queixarem-se do que perderam, outros ficam a perguntarem-se por quê motivos perderam. Tem gente que não admite que perdeu!
  Algumas coisas acabamos por encontrar voltando ao lugar onde as deixamos, outras não vamos encontrar nunca mais. Resta saber sempre, se o que perdemos era mesmo muito importante!
  Tudo o que perdemos, nos serve de lição, não digo aquela "lição de moral" que os que gostam de julgar apresentam: "Não falei que ias perder"? "Eu avisei que era perigoso" "Vais ter que pagar outro".
  Cheguei a uma nobre conclusão:
 
Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,
Filipenses 3:13

Brasil *1980-2005+
Portugal * 2005 » 2012 +
Brasil *2013
+ ? Só Deus sabe!
 
Perdi o aparelho do trabalho
André Luiz

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

O pleito de Sião

 Originalmente era o nome dado à fortaleza jebusita (Jebus), próxima da atual Jerusalém, que foi conquistada por Davi.
  É um termo arcaico referente à seção de Jerusalém que pela definição bíblica é a cidade de Davi. Após a morte do rei Davi, passou a se referir ao monte em Jerusalém, o monte Sião, onde se encontrava o Templo de Salomão. Depois disso, Sião foi usado para simbolizar Jerusalém e a Terra Prometida.

O SENHOR ama as portas de Sião, mais do que todas as habitações de Jacó.
Coisas gloriosas se dizem de ti, ó cidade de Deus. (Selá.)
Salmos 87:2-3


  Citada mais de 150 vezes na Bíblia, significando "fortificação".

  Na Bíblia, Sião éa cidade de Davi e a cidade de Deus. À medida que a Bíblia progride, a palavra Sião deixa de ser apenas uma referência à cidade física e passa a assumir um contexto espiritual.

Porém Davi tomou a fortaleza de Sião; esta é a cidade de Davi.
2 Samuel 5:7


O uso mais importante da palavra Sião é em seu sentido teológico. Sião é usada figurativamente como povo de Deus.

Também virão a ti, inclinando-se, os filhos dos que te oprimiram; e prostrar-se-ão às plantas dos teus pés todos os que te desprezaram; e chamar-te-ão a cidade do SENHOR, a Sião do Santo de Israel.
Isaías 60:14


No novo testamento:

Por isso também na Escritura se contém: Eis que ponho em Sião a pedra principal da esquina, eleita e preciosa; E quem nela crer não será confundido.
1 Pedro 2:6


 O monte Sião é um assunto muito importante nas Escrituras. Representa o coração e o centro dos pensamentos de Deus com respeito ao homem e a terra. Para termos o quadro completo devemos procurar a 1ª menção do Monte de Sião e a última menção do mesmo.

 1a menção: O começo do reinado De Davi. Um rei segundo o coração de Deus. passou por um tempo de provaçãoes antes de ser rei. Esse tempo é o caminho da cruz. Davi converteu-se em um rei segundo o coração de Deus. Isso aconteceu quando chegaram ao fim os seus próprios recursos.O 1º ato do reinado de Davi:

Subiu contra a fortaleza de Sião. De um ponto estratégico não era algo muito importante. Haviam outras cidades maiores e mais importantes. A própria Hebrom, Mas Davi era um profeta! Era a inauguração do reino de Deus no antigo pacto com Israel.

UNGIDO » REI » MESSIAS » CRISTO

»  A tomada da fortaleza de Sião apontava para Jesus Cristo.

PQ? Os assírios, os egípcios, os babilônios, os medo-persas, os gregos, os romanos, um após o outro contra Jerusalém, tentando arrebatar a Sião das mãos do Deus de Israel e do Povo de Deus. Simplesmente porque Sião é a controvérsia pelo governo e domínio da Terra.

SATANÁS » SERPENTE » AP 12 DRAGÃO ESCARLATE » Cresceu e construiu civilizações, impérios e nações, ele cresceu junto com o homem sobre a terra.

» O pleito de Sião é: A quem dará o homem o seu coração? A Deus ou a Satanás?

» Não podemos reinar com Ele se não percorrermos o caminho da cruz até o final. Isto significa seguir a Cristo.

» Davi é uma prefiguração pálida do Filho de Davi - Jesus Cristo

 O TRÁGICO FIM DE SAUL

"Naqueles dias os filisteus reuniram suas tropas para lutar contra Israel" (I Sm 28:1). Saul apavorado, "Consultou ao Senhor, mas este não lhe respondeu nem por sonhos, nem por Urim nem por profetas" (V.6) Então ele recorreu a uma médium para receber informação sobrenatural, apesar de ele mesmo ter banido de Israel aqueles que praticaram a necromancia, prática comum entre os cananeus, mas que era expressamente proibida por Deus (LV 19:31; 20:6,27; Dt 18:10-14) I Cr 10.13,14

" A que profunda degeneração Saul deve ter descido para pensar em arrancar do inferno as informaçãoes que o céu lhe havia recusado". Gillermo J.Reane

Saul nunca fora um homem espiritual; ele não entendeu a vontade de Deus, nem entendeu a si mesmo. Era impetuoso, tornou-se orgulhoso e desobediente e não deu ouvido aos conselhos de seu melhor amigo Samuel. (Paul Hoff).

OS TRIUNFOS DE DAVI 2 SM 5-10 E 1 CR 11-19

» Estabelecer o reino significava: derrotar os inimigos de Israel e delimitar fronteiras, para que o povo tivesse segurança. Até a época de Davi, o território de Israel estava limitado à região montanhosa da Palestina. As ricas planícies estavam nas mãos dos povos cananeus.

» Em uma sequência de batalhas, Davi destruiu o poder dos filisteus, os principais inimigos de Israel desde os dias de Sansão (2 Sm 5; 8; 10).

» Na sequência de batalhas, Davi passou a dominar também Moabe e Edom.

Davi subjulgou uma série de Estados, tornando-os vassalos e formando uma zona de segurança ao redor de Israel contra os inimigosmais distantes.

Edom, um desses estados, tornou-se uma rica fonte de ferro para Davi. Além da matéria-prima, esses Estados também passaram a oferecer mão-de-obra especializada no manuseio de metais, técnica que Israel até então não dominava - o monopólio de ferro havia sido um "trunfo" para os filisteus durante longo período.

O território de Israel foi ampliado enormemente., 96.540 km2.

Com Davi, o povo deixou de ter uma identidade estritamente tribal e passou a enxergar a si mesmo como uma única e soberana nação.

Estabelcer Jerusalém como sua cidade real e como capital da nação foi uma das realizações mais relevantes do reinado de Davi.

ANTES DE DAVI
 
  • Governo dos juízes
  • Anarquia e Guerra Civil
  • Confederação de tribos desunidas
  • Pobreza/Pouco desenvolvimento tecnológico
  • Vassalo dos reinos/Palestina
  • Adoração Descentralizada
  • Paganismo
DEPOIS DE DAVI

  • Monarquia
  • Governo Centralizado
  • Nação unida / Único rei
  • Riqueza / Desenvolvimento da Idade do Ferro
  • Posição de Conquistador
  • Adoração Centralizada
  • Observância dos padrões de culto da lei mosaica
DAVI X SAUL

  • Davi tinha essência 1 Sm16  - Saul tinha aparência 1Sm 9:1
  • Tinha Riqueza Espiritual 1Sm 17:28/13:14 - Tinha Riqueza Material 1Sm 9:1-2
  • Vivia desafios 1Sm 17:22 - Atrás de bagagens 1Sm10:22
  • Honrava à Deus 1Sm 17:26 - Buscava própria honra 1 Sm 15:30
  • Arrependia-se 2 Sm 12:13 - Arrumava desculpas/ buscava culpados 1Sm 15:19-21
  • Influenciado pela Palavra 1Sm 24:10 - Não tinha intimidade com Deus 1Sm 15:15
  • Amigo de Deus Sl 42:1 - Rejeitado por Deus 1Sm 15:26/ 16:1

» Eles tomaram caminhos diferentes: caminho da desobedência X caminho de arrependimento e da santificação. Enquanto um queria edificar palácios o outro queia edificar templo ao Senhor. Um queria ser rei o outro tinha Deus como seu Rei. Saul morreu atirando-se contra própria espada , enquanto que Davi em ditosa velhice.













quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

A vida tem propósitos

Jesus disse-lhes: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra.
João 4:34


  Comida alimenta mas não só. A hora da comida é uma hora alegre e sagrada. Nós não comemos apenas porque precisamos, comer é bom. Com essa comparação Jesus mostrou aos seus discípulos como sentia-se diante da vida, como encarava sua missão!
  Qual é a sua missão na Terra? Qual é o propósito da sua vida?
  Não é tão difícil descobrir, se levarmos em conta que Jesus nos mostrou o caminho para essa revelação que preocupa tantos de nós. Jesus nos ensina com a sua vida entre nós, que nossa missão deve ser como nos relacionamos com o que nos é vital.
  Nenhum de nós nasceu para estar perdido, desnorteado, mas para cumprir uma missão que nos faz felizes, que alimenta nossa alma,  que nos entusiasma. Isso não significa que tem que ser fácil, não significa que será uma jornada isenta de dificuldades, mas significa que vai valer a pena.
  Escrever para mim não é um fardo, mas seria "chato" se fosse uma obrigação. Se me pedirem para cozinhar, me atrapalho todo e posso até por fogo na casa, mas para outras pessoas é um enorme prazer.
  Jesus deixou claro que cumprir Sua missão, era prazeiroso, mostrou não sobreviver sem realizar a Obra do Pai, aliás Ele morreu em nome da Sua missão! Você seria capaz de morrer para cumprir algo? Existe algo que você faria ainda que não recebesse nada em troca? Você é capaz de permanecer firme em algum propósito mesmo quando não é validado por ninguém?
  Você não nasceu com as aptidões que  tem sem que houvesse um motivo. Você além de único, tem um propósito. Não culpe a ninguém pelo que não deu certo em 2012, sua missão é maior que qualquer obstáculo. É impossível fugir da sua missão, assim como,  não é possível sobreviver sem comida!
  Infelizmente os referências que levam as pessoas a buscarem saber qual é o propósito da vida delas, é por vezes inadequado, distorcido. Jesus é um bom exemplo. Se você procurar saber quanto ganha alguém que faz o que você gostaria de fazer, já não és digno da sua própria missão. Talvez você esteja assistindo muitos filmes americanos!
  Sua missão é aquela que você é capaz de fazer em qualquer situação, a qualquer hora do dia ou da noite, o propósito da sua vida está em tudo o que você faz e como faz. Você tem tudo que precisa para cumprir a sua missão, não existem "desculpas" para não cumpri-la! Não adie nem mais um dia, faça o que veio fazer!
 
Nele a vida tem propósito
André Luiz
Terapia de Cristo  
  

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Delete e deleite-se

Deleita-te também no SENHOR, e te concederá os desejos do teu coração.
Salmos 37:4


Ter prazer em Deus, implica em aborrecer a carne. O ser humano não sabe e não gosta de ganhar "perdendo", mas no Reino de Deus é essencial sabermos perder. Eu chamo de "delete". O que seria de quem escreve se não houvesse a tecla "delete". Ela é quem nos salva de colocar para fora o que não queremos, ou até mesmo o que queremos, mas por algum motivo não devemos. Deletando é que a gente melhora o que quer dizer, deletando o que é mal, é que a gente conquista a chance de deleitar-se no Senhor.
  Para ser sincero, quando tenho prazer em Deus, nem consigo pensar muito nos desejos do meu coração! Talvez quem leia o verso bíblico acima, pense primeiro no que deseja o coração para depois pensar em deleitar-se em Deus, como quem faz uma troca, como quem faz uma negociação. Entretanto, deleitar-se em Deus é tão especial, tão maravilhoso, que ocupa e satisfaz todo o meu ser!
  Não me importa nada deletar o que não presta, para deleitar-me no que realmente importa. Tenho algumas gravatas, ao fim e ao cabo uso apenas duas ou três. De tudo o que vemos, selecionamos, escolhemos, optamos e nessa carreira, deletar faz parte, são ossos do ofício de quem deseja ser feliz.

 Deleito-me em quem não tenho nada para deletar
 Andre Luiz
 Terapia de Cristo


segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Não há lugar na estalagem!

E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo se alistasse
(Este primeiro alistamento foi feito sendo Quirino presidente da Síria).
E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade.
E subiu também José da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém (porque era da casa e família de Davi),
A fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz.
E deu à luz a seu filho primogênito, e envolveu-o em panos, e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem.
Lucas 2:1-7

 
 Não havia lugar na estalagem! Havia lugar para tudo, menos para o Salvador. Uma tremenda correria, todos alistando-se às suas cidades natais, expectativa de que as coisas pudessem melhorar, menos opressão do império romano talvez, falsa esperança no coração do povo.
  Nessa festa do consumo chamada natal, muita gente "alista-se", ninguém quer ficar de fora, mas o Salvador não encontra lugar onde possa nascer. Todos cumprem o seu papel de desejar: "Feliz   Natal", faz parte do "alistamento", enquanto que "envolto em panos" nasce Jesus numa manjedoura.
  Ele não precisa de estalagem, ele nasce no coração do simples. Ele anda com gente humilde, Ele é capaz de abrir mão da Sua Glória para deitar-se na manjedoura do nosso coração. Ele não fica sempre menino, Ele vai crescendo dentro de nós, ano que vem, se o meu coração estiver mais dilatado, Ele poderá encontrar mais espaço em mim, salvando-me um pouco mais de mim mesmo, tirando-me da minha estalagem, levando-me à simplicidade, fazendo-me mais humilde.
  Em meio a uma sociedade estéril, quero estar grávido do Filho de Deus, me preocupar menos com a estalagem onde eu quero que Ele nasça, me importar mais em limpar meu coração para recebê-lo. 
  Essa é a minha "festa de natal", deixar a estalagem de lado, nada de "alistamentos", estar em silêncio e deixar que Ele venha. E que em nós brilhe a Sua luz.
 
  Sinto dores de parto
  André Luiz
 
 
 
 
 

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Perguntar e Responder

  Toda pergunta merece resposta? Todas as respostas que damos, respondem às perguntas que nos fazem? Será que eu respondo apenas porque você me perguntou, e por isso dou-te uma resposta que não responde nada e a ninguém?
  Mas, por que será que as pessoas fazem tantas perguntas? Estão mesmo dispostas a pensarem nas respostas que recebem? Ou serão apenas surtos de curiosidade?
  Você já percebeu que muita gente pergunta, mas nunca responde?
  Acho mal quando alguém me pergunta e não quer ouvir a resposta. Existem pequenas perguntas sobre as quais precisaria de horas para responder, e quem pergunta diz em tom imperativo: "Fala logo".
 Nem todas as perguntas, perguntam, nem todas as respostas, respondem. Vivemos numa espécie de "teatrinho infantil", temos as frases na ponta da língua. Temos a opção de motivar as pessoas, mas preferimos fazer muitas perguntas. Temos a opção de respeitar as pessoas, mas preferimos cobrar que nos respondam, sendo que podemos sobreviver sem a maioria das respostas às perguntas que fazemos.
 Pergunte menos, ame mais, não tenha tanta pressa em responder, analise melhor as perguntas. Veja quem está a perguntar, seja breve quando responder com profundidade for desperdício, seja profundo se souber que a sua resposta pode salvar uma vida.

Fique tranquilo,
Se vc perguntar eu respondo!
André Luiz
 

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Nada a perder - Edir Macedo

  1º Lugar em Vendas numa livraria de Lisboa. O título? Nada a perder. Eu pergunto-vos, alguém ainda duvida? "Pastores, escalpelem suas ovelhas, não importa se elas estão a chorar, não temos nada a perder! Sim ou Não? "Sim senhor bispo" diz o aspirante a vampiro!
  Homem bem casado, bem-sucedido, fez escola! Percorreu um caminho "invejável" para quem não tem alma. Quem ainda tem alma sente temor e recita a partir de uma consciência inegociável:

Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?
Marcos 8:36


O segredo do Edir Macedo é porque a Igreja Universal está entupida de gente que já não tem nada a perder, gente sofrida, desesperada, faminta demais para questionar a "bandeja" que está sendo oferecida. "Pra quê pensar na alma se é o estômago que tem fome"? Pois, ninguém leu:

Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua semente a mendigar o pão. Salmos 37:25

"Aqui me disseram que eu vou vencer, que eu vou ser rico e que eu não tenho nada a perder"
"Tá na Bíblia: Tudo posso naquele que me fortalece".

Não consta na Bíblia da IURD:

Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho.
Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade. Filipenses 4:11-12

  Décadas já se passaram, ele ficou milionário, os milhões de famintos só aumentaram, não conheceram o Evangelho de Jesus, conheceram um centro de ajuda para viver nessa terra, alienados, enganados, sem conhecer a verdade que liberta!
  Sinto vergonha, sinto dor, não acho graça do circo, há fome de pão, há fome de vida.
  Como Jesus que deu a Sua vida por nós, reagiria diante de alguém que o nega e diz: "Nada a perder"?

 Ainda tenho esperança
 Nem tudo está perdido
 André Luiz
 

 
 

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Um sonho chamado Esperança

  Sonhei que um grande amigo meu morria, mas deixava um filha chamada Esperança, a bebê era negra como o pai, o pai havia sido vítima de racismo, morrera precocemente deixando mais do que saudade, deixara um bebê lindo, que eu tinha a honra de pegar no colo e levantando-acom os meus braços dizer ao céu: "Essa é a Esperança". E a levantei porque queria que todos a vissem, tive a certeza de que aquele nascimento não poderia passar em "branco", dada a escuridão que eu podia até sentir a minha volta.
  Meu amigo havia partido, deixando saudades, muita coisa feita e muito por fazer, em nome da nossa amizade não poderia deixar a sua memória ir embora com tempo, precisava recordá-lo e ao passar dos anos agir e não somente pensar na paz que me trazia o seu rosto.
  Meu amigo plantou a paz, colheu a indiferença. Mesmo assim, deixou-me a Esperança. Através da Esperança lembro da paz que o meu amigo plantou e tantas outras ricas sementes no meu coração. Vou cuidar desse "bebê", não vou perdê-la de vista, quero vê-la crescer, ficar maior que eu, quero contar as novidades que ela vai me trazer.

 Meu amigo Jesus
 Minha querida Esperança
 Andre Luiz


sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Quando reagir é pecar

O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem.
Mateus 15:11
 
 
Estamos sempre a reagir, e na reação é que muitas vezes  despejamos nossos piores venenos. É que sem notar somos bombardeados por muitas situações e quando pressionados, "revelamos" o que está dentro de nós.
 
"Fulano é sempre tão calmo, o que houve com ele hoje"?
"Nunca vi ciclano assim, que decepção"!
 
 Muitos de nós ainda ficamos surpresos com a reação de alguns. Na verdade, as nossas reações diante das mais diversas circunstâncias, dizem quem nós somos, enquanto seres humanos carnais. Todavia, a ação do Espírito Santo em nós, quanto mais forte for, mais calará esse miserável homem interior.
 Entenda, eu não sou santo, mas posso ser santificado Nele. Sou mau por dentro, porém opera em mim, um amigo que muda as coisas cá dentro, vai renovando o meu interior e pouco a pouco, isso vai refletindo-se no meu exterior, nas minhas ações. Portanto, não acredite muito em mim, acredite naquilo que o Espírito pode fazer em nós.
 
 Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca.
Mateus 12:34
 
Cuidado com as suas reações, muitas das ações que nos cercam são para "testar" quais serão as nossas reações. Seja alguém levado pelas suas convicções e não pelas emoções. Não faça nada que não condiga com aquilo que você acredita, apenas por estar desejando "explodir". Não se decepcione com o ser humano (não se surpreenda com a maldade de alguns), aja com Jesus dentro de você, pois Ele não "reagiu" ao mundo, Ele agiu em nosso favor.
 
 Agindo mais e reagindo menos!

 Andre Luiz
 Terapia de Cristo

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Dar é Receber

 Dar e receber. Aparentemente você dá algo e espera um dia receber em troca ainda mais. Quem dá, abre mão de algo para alcançar alguma coisa até maior, mais a frente. Esqueça enquanto estiver a ler esse texto de letra de câmbio, ações, caderneta de poupança e outros termos afins quando pensamos em Economia.
 O grande erro de quem dá é achar que vai receber da mesma forma como ofereceu. Aliás, isso até empobrece qualquer dádiva. Quando a gente investe numa amizade por exemplo, não significa que aquela pessoa será nosso amigo para sempre, mas com toda certeza estaremos "certificados" no Banco da Amizade. O favor que você faz para alguém nem sempre é retribuído por esse mesmo alguém. As retribuições da vida vem, mas nem sempre como pensamos (na base de trocas diretas). Não é pensando em receber que somos retribuídos. A maior bênção acontece quando "dar" se torna para nós como uma "retribuição". Dar muitos beijinhos nas minhas filhas, já é receber muito mais!
  O segredo é que dar sempre é um bom investimento, consequentemente dar é receber."Pôxa, emprestei 10 euros a fulano e quando eu mais precisei ele não me emprestou"! Não é fulano que irá retribuir, é o Banco do Amor ao Próximo. Investimentos nesse banco não têm qualquer risco. Portanto, não ajude a ninguém a espera de retorno, nunca faça barganhas com Deus para obter mais dinheiro, quando quiser ajudar financeiramente a alguém, ganhe em generosidade. Não dê nada que não faça com que você se sinta já presenteado!
 
 Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás.
Eclesiastes 11:1


Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.
Atos 20:35


Bons investimentos
Andre Luiz
Terapia de Cristo


terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Arte fora de foco



  Falam tanto de foco que fico tonto. Tens que ter foco, tens que focar. Me sinto uma foca.
  As coisas mais incríveis que me aconteceram não foram fruto do foco, foram fruto da arte. Dás-me uma oportunidade de explicar?
  Os livros de auto-ajuda dizem que você tem que "focar", dizem ser preciso fazer declarações positivas, dizem que o "segredo" está na força do pensamento. Não é nada disso.
  As coisas mais lindas que existem são fruto da arte de amar. Amor de um homem por uma mulher (fazemos coisas impensáveis),  amor de um pai por um filho (não poupamos esforços),
  As coisas mais espetaculares foram realizadas quando talvez ninguém estivesse vendo, talvez você não estivesse sendo pago para fazer... frutos da arte de amar.
  A arte de amar faz com que a gente viva um dia de cada vez, sem exageros, sem passar por cima das pessoas, voando além dos obstáculos, sem barganhas, sem vãs sutilezas. Viver não é foco, é arte!
  Eu o amo, mas Ele me amou primeiro!


 Amar por Amor
 André Luiz
 Terapia de Cristo
  

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Vinho misturado com água

A tua prata tornou-se em escórias, o teu vinho se misturou com água
Isaías 1:22



Vinho misturado com água é vinho? Pode a prata tornar-se escória? Quem deseja um vinho misturado com água? Qual o valor da prata tornada em escória?

 Enquanto Jesus transformou a água em vinho, a religião o contrário faz. Jesus opera o milagre, a religião falseia a essência das coisas. Quando o vinho faltou na festa, Ele fez com que sobejasse, a religião sabendo que falta faz o vinho, mistura um pouco que ainda resta dele, para "enganar" as pessoas. É como nós fazemos com as crianças. Diluímos para não ser muito forte para elas.
 Uma pessoa madura nota logo a diferença, já uma "criança" acha tudo engraçado, pensa que está tomando vinho de verdade.
 Podemos pegar versículos isolados e apoiar através deles as mais pérfidas heresias (o que é um ato de insanidade). O copo engana, o líquido tem a mesma cor, há vinho, mas já perdeu a sua essência.
 A prata me lembra Jesus que pagou o preço pela nossa redenção. Redenção que alguns querem "vender". Mas como posso comprar o que já está pago e não está à venda?
  A igreja que deveria ter como seu valor maior a redenção, passa a vergonhosamente esquecer o seu papel principal, distribuir o vinho na sua essência.

 Pois um vinho sem mistura Ele dá
 André Luiz
 Terapia de Cristo

 

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Ansiedade? Só amanhã!

 Quando eu era criança, entrava numa lanchonete  pra tomar um grapette e sempre via escrito na maioria delas: FIADO SÓ AMANHÃ, ficava intrigado, pensativo,  até que entendi que o dono do bar não queria vender fiado nunca.
 Fazendo tudo o que tem que ser feito hoje, não haverá tempo para se perturbar com o amanhã. O dia de hoje precisa ser um dia "cheio". Há muito pra fazer.
  Pensar no amanhã com ansiedade é perder o tempo precioso chamado HOJE, o passado já foi, o amanhã ainda vem, mas hoje só poderemos viver o "hoje". Pegue logo o telefone e ligue para alguém que você precise perdoar, comece a comemorar o dia de hoje, lembrando que se não fosse Deus, ele talvez nem existisse. Chega de ensaio! Hoje é o dia do "espetáculo". Dê o seu melhor, não espere aplausos, não se intimide com a indiferença de alguns, não desista por causa de vaias. Esteja contente o suficiente pois o Criador vai estar "torcendo" por você!

  A ansiedade é sinal de desocupação, ou pior do que isso, sinal de que estamos ocupados de maneira errada. Fazendo o que é certo hoje, Ansiedade, só amanhã!
 
Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono.
Salmos 127:2
 
Este é o dia que fez o SENHOR; regozijemo-nos, e alegremo-nos nele.
Salmos 118:24

Sem ansiedade,
Pois quem toma grapette repete
Andre Luiz

sábado, 1 de dezembro de 2012

Carta-Despedida

  Amigos mais chegados que irmãos, estou me despedindo da Catedral da Esperança de Lisboa, aproveitando o ensejo da eleição para Co-Pastores para 2013 ocorrida ontem.
  Tive a honra de ladear o Rev.Hudson nesse ano de 2012 que em breve passará. Estarei retornando para o Brasil no final desse mês. Lá começarei um ministério novo, que já mora dentro de mim há alguns anos, o Terapia de Cristo. Estarei congregando numa Igreja e estarei itinerante com a mensagem da Terapia de Cristo.
  Não pensem que resolvi isso em função da minha última viagem ao Brasil, Deus ainda é o Senhor da minha vida e possui planos sobre os quais é Ele quem decide. Não levo daqui riquezas materiais, enquanto cá estive, fui voluntário e tive sempre o meu trabalho secular através do qual, Deus proveu o pão em minha casa (nunca faltou), outrossim, não volto em busca dessas mesmas riquezas que aqui não tive, vou em busca de realizar a vontade de Deus, os frutos falarão mais alto que qualquer argumento.
  Na Terapia de Cristo cabem todas as Igrejas que desejem ouvir a pregação do Evangelho. O Brasil não precisa de mais uma igreja, mas ainda tem sede da Palavra de Deus, que foi trocada por campanhas financeiras, espetáculos de "mágica", entupido do apelido "Gospel" por todos os lados, emprestando seu nome a bancadas políticas ditas evangélicas que não representam o povo mas, mesquinhos interesses. Os olhos do povo ainda brilham quando escutam as "Boas Notícias" o coração ainda arde quando a revelada Palavra de Deus é entregue.
  Não sou melhor do que ninguém, sou um pobre pecador que dedicou toda sua vida para pregar o Evangelho, seja cantando, seja escrevendo, seja pregando. Agora devolvo ao Eterno, buscando agir como nos conta a parábola do Credor Incompassivo, todos os dons que ele me concedeu, almejando sobejar esperança por onde passar, pregar a verdade por onde os meus pés possam ir, escrever a Palavra de Deus nos coração em que eu puder fazê-lo, carregar a preciosa semente andando e chorando se preciso. 
  Agradeço ao povo que sempre me apoiou. o melhor que existe em todas as igrejas da Terra são as pessoas, poder estar com elas, trocar experiências, motivá-las, ser motivado por elas, amá-las, receber o amor de cada uma delas, provar das suas diferenças, sem perder a própria identidade. Acreditar no mesmo Jesus ainda que cada um, vivendo a sua própria vida.
  Feliz o homem que sabe para que foi chamado nesta Terra, pelo próprio dono da Vida. Eu ouvi a Sua voz, não pude resistir, agora tenho que ir.
 
 Em paz,
 
 André Luiz
Terapia de Cristo
  
 

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Nada como um siri entre os camarões

  Há tempos fui almoçar com meu pai e como todos os almoços na companhia dele, um bom café para finalizar. Nesse dia, como bônus ouvi uma história (ele conhece muitas boas), que gostaria de partilhar.
  Tentando criar camarões em cativeiro, alguma coisa estava dando errado. Apesar da comida indicada, do ambiente aparentemente propício, eles acabavam por morrer. Até que alguém de fora, dá um bom conselho (daqueles que deveriam ser vendidos).
  _ Experimente colocar um siri entre os camarões e depois diga o que acontece.
  Feito conforme sugerido, o criador teve uma surpresa: os camarões estavam todos lá. Qual terá sido a mágica? Com o siri no meio deles, tiveram que se movimentar, não podiam ficar parados, os siris não paravam de se mexer e "obrigavam" os camarões a não ficarem parados.
  Não reclame dos problemas. Afinal, são eles que fazem com que você e eu nos mexamos, e nessa movimentação que lutamos pela vida, que não nos deixamos ir abaixo, que não deixamos a "peteca" cair. Dessa batalha você certamente sairá mais forte. Se não fossem os "siris" da vida, nós  morreríamos estagnados. As lutas geram um processo dentro de nós que nos ligam ao sentido das coisas, as provações nos mostram o que realmente é importante para nós, revelam nossas prioridades. Basta pensar o que somos capazes de fazer pelos nossos filhos!
 
  E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.
Romanos 8:28
 
 
Do seu amigo "siri"
André Luiz 
 
 
 


quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Caverna do Dragão

  Quando eu era criança assistia um desenho animado chamado Caverna do Dragão, não sei como assistia um desenho daqueles, se assistisse hoje teria medo! Mas o que eu lembro é que eles nunca conseguiam sair do mundo da fantasia e voltarem para realidade. Estavam como que presos a um pesadelo e quando estava prestes a acabar, voltavam ao estado anterior. Que loucura!
  Mas sabe que existe gente assim? Não despertam do pesadelo, parecem que vivem no mundo da fantasia. Gente que fica cativa do passado, das loucuras que só existem no mundo imaginário que elas criam em suas próprias mentes. Essa turma fala, fala, fala, todavia, sobre coisas que sequer existem, maquinações que refletem o grau de alienação em que se encontram.
  Tudo é difícil, tudo é muito complicado, nada vale a pena, somos sempre vítimas, quando entendemos as coisas segundo o diagnóstico doentio de quem está enfermo da alma.
  Infelizmente as doenças da alma "pegam" gente boa também, gente como eu e você. Todo dia é dia de cura, todo dia é dia de tratamento. Como estamos julgando as coisas? Estamos sãos o suficiente para olhar para vida e enxergar o que é de fato? Será que não estamos exagerando?
 Se a vida é difícil, nós a complicamos um bocadinho!
 

Assim, cheguei a esta conclusão: Deus fez os homens justos, mas eles foram em busca de muitas intrigas. Eclesiastes 7:29
 
Sem intrigas,
André Luiz  

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Os Fantasmas e a Fé

Mas, quando eles o viram andar sobre o mar, cuidaram que era um fantasma, e deram grandes gritos.
Marcos 6:49


 Tenho medo de fantasmas! A Fé me leva a crer que eles não existem. Fantasmas são o que eu vejo quando não vejo a Luz. A Fé me mostra Jesus no meio da tempestade.


E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste?
Mateus 14:31



 Ao olhar para trás vejo fantasmas, sinto medo, penso em parar. Ao olhar para Jesus, sinto força para continuar, sinto que mesmo sem ver posso crer, posso avançar!
 Ainda nada aconteceu, mas estou preocupado. Fico perturbado pensando no que pode dar errado. Clamo por Ele, digo para Ele o meu dilema e Ele não ri da minha infantil ansiedade, Ele é o próprio alívio, Ele as leva para onde eu não a possa encontrar. Já não vejo mais fantasmas, a mão Dele cobre todo o meu ser, a Fé venceu mais uma vez.

Cheio de Fé
André Luiz
 

domingo, 25 de novembro de 2012

A "criança" entregue a si mesma

A vara e a repreensão dão sabedoria, mas a criança entregue a si mesma, envergonha a sua mãe.
Provérbios 29:15


 
 É fácil ler o verso acima e pensar na educação de uma criança, é óbvio e ululante que uma criança precisa de alguém que se responsabilize por ela, por ensiná-la o caminho pelo qual deva andar. O difícil aparece quando a gente "cresce" e acha que diante de Deus, somos muito maiores que crianças. Se Deus é Deus e assim creio de todo o meu coração, não há chances de ser, ou viver independente Dele, sendo assim, concluo rapidamente que também preciso seguir o conselho bíblico de não ser uma criança entregue a mim mesmo.
 Com o passar do tempo, lembramos da vara e da repreensão como recordações da infância. Lembramos quando apanhamos da nossa mãe porque mexemos onde não devíamos, quando desobedecemos, quando quebramos o quadro jogando bola dentro de casa (eu). Mas, a realidade é outra, bem mais próxima de nós. A vara e a repreensão ainda estão presentes, situações da vida, circunstâncias que nos sobrevém como francas repreensões para que nós não sejamos crianças entregues a nós mesmos.
  Quero estar nos braços do Pai, quero ouvi-lo, continuo tendo medo do escuro, ainda me desespero quando não vejo o meu Pai por perto, ainda chamo por Ele, quando os mais valentes do bairro me perseguem. Quero a sabedoria do Mestre.
 
Sem Ele jamais,
André Luiz  

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Príncipes andando a pé

Tenho visto servos andando a cavalo, e príncipes andando a pé, como servos.
Eclesiastes 10:7



  Uma das ênfases mais perversas da religiosidade evangélica (favor nunca confundir com o Evangelho), é a de que todos aqueles que forem "fiéis" serão recompensados sobremaneira financeiramente. Para dizer tal "abobrinha" ninguém jamais lê ou sugere, qualquer meditação no livro de Eclesiastes.
  Esse é um livro de muita realidade, que faz toda fantasia infantil da ambição humana cair por terra. Salomão deixa claro que existe muita "gente boa" andando a pé! Ser príncipe na lógica humana nos remete a bens materiais, honrarias, poder de subjugar as outras pessoas. Mas segundo a Bíblia, é possível ser príncipe sem ter nada disso.
 Não me julgue quando perceber que levo uma vida modesta. Não fique pensando que todo mundo que tem grana ou posição é mais filho de Deus, ou possui porque foi recompensado diretamente por Deus. Não há causa e efeito para Deus, existe algo muito melhor:  Sua Maravilhosa GRAÇA.
  A Graça de Deus nos faz ter mais que qualquer príncipe desta terra, nos faz felizes a pé ou a cavalo. Faz-nos gratos pelo dom da vida, seja ela como for. Constrói em nós uma esperança de uma vida bem longe da terra que passa a morar dentro de nós.
 
 
Andando a pé
E com Cristo
André Luiz

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Limpando a geladeira!

  A geladeira está cheia. Oba! Mas calma aí, pensando bem...
 
 
  Dando uma olhadela na geladeira, a gente logo logo descobre que "nem tudo o que reluz é ouro". O iogurte está vencido há uma semana, estava escondido e ninguém viu; o achocolatado em caixinha estava aberto, a criança fez birra, ficou de beber posteriormente e não o fez. O feijão que resmungaram para não o comermos todo (para deixar para a marmita), azedou! Os legumes para a dieta ficaram esquecidos, já que domingo é dia macarrão com carne assada.
 A geladeira é um utensílio doméstico utilizado na conservação dos alimentos, colocamos nela aquilo que não queremos desperdiçar e perder. O problema é que a gente desperdiça e perde muitas coisas....
 O que você tem procurado conservar? O que será que eu digo que é muito importante hoje, que amanhã insisto em esquecer? O que eu deveria ter guardado, e não guardei e por isso perdi? Será que o meu coração está cheio de coisas que não prestam mais? Minha "geladeira" está limpa?
 
 Escondi a tua palavra no meu coração, para não pecar contra ti. Salmo 119:11
 
 
 Fazendo a "limpa" no meu coração
 André Luiz   

sábado, 17 de novembro de 2012

Teologizando via Morgan Freeman

 
 
E como vamos nos livrar do racismo?
Morgan Freeman responde: Parando de falar sobre isso!
 
 
 Nós "crentes" reclamamos muito sobre a forma como somos tratados. Damos muita importância a toda e qualquer ofensa proferida contra nós ou contra nossa fé. Nem parecemos crer que o "mundo" não é nossa última morada. Damos a impressão de que estamos esquecidos do quanto é passageira a nossa existência terrena.
  Ficamos tristes por "pequenas coisas" que não são relevantes, já que temos "Boas Novas" num mundo de pouca ou nenhuma novidade. Ainda sentimos muito, coisas que não fazem o menor sentido para um povo que diz que vai morar no céu. Perdemos a paciência, "fervemos em pouca água", ignorando assim, a presença do Consolador Espírito Santo.
 Paremos de falar, sobre assuntos tolos. Paremos de falar sobre nós mesmos. Paremos de falar uns contra os outros. Paremos de falar dos que pensam diferente de nós.
  Lembremos que somos todos, obra máxima do Criador, todos humanos, todos imperfeitos, todos alvos do amor de Cristo.
  O hegemônico é sutil, se somos de Deus não é preciso alarde e nem rancor contra os que porventura nos perseguem (por vezes, são coisas da nossa cabeça). Quem precisa dizer ou explicar que é... Nunca foi!
 
   Rogo-vos, irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que sejais concordes no falar, e que não haja dissensões entre vós; antes sejais unidos no mesmo pensamento e no mesmo parecer. I Co 1:10

  Sejamos o amor
  Andre Luiz

 

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Quero ser tradutor

 
 
  Há quem pense que para ser tradutor seja preciso apenas conhecer dois idiomas, mas, não é uma tarefa assim tão simples. É algo complexo, exige profundidade. Talvez não façamos a mínima ideia de quanta coisa está má traduzida para o português e vice-versa.
  Pensando na figura do tradutor, pensei que é essa habilidade que preciso ter na vida para ser feliz. Quero ouvir o meu próximo falar "noutra língua" e conseguir além de compreendê-lo, compartilhar com outros o que ele está tentando dizer. Quero ouvir as minhas filhas e saber traduzir em ações, o amor que elas me trazem. Quero ouvir a minha mulher dizer que me ama e então compartilhar com o mundo inteiro o quanto faz bem, amar e ser amado.
  Não quero apenas conhecer as pessoas, como quem conhece outro idioma, quero falar a língua dos homens e dos anjos, mas com amor, com profundidade compreender o outro, a mim mesmo (já que todo tradutor deve conhecer bem o seu próprio idioma) e a Deus.
  Quero traduzir em bem ao próximo, todo bem que Deus me faz!
 
 Há vagas abertas para tradutores para a Copa de 2014!
 
 Faz-me um "tradutor"
 Andre Luiz
 
 
 

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Tirem o "Deus seja louvado" das notas e escrevam no coração!

 

  Comecemos a adorar e louvar a Deus pelo que Ele é, e não nos importemos se o nome Dele está escrito em notas de dinheiro, mas sim, dentro de nós.
  Aproveitemos os feriados "religiosos" para vivermos a nossa fé, seja ela qual for. Nada de defender a nossa fé, não precisamos de complexos.
  Infelizmente a Fé das pessoas ainda está muito ligada a dinheiro. Nosso reino não é deste mundo.
 
 Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.
Efésios 6:12
  
 
Nada de ficar "batendo boca" com as pessoas. Ainda tirem o "DEUS SEJA LOUVADO" das notas, jamais poderão arrancar aquilo que estiver no nosso coração.
 
  Precisamos mostrar para o ESTADO LAICO que o debate mais importante não é tirar ou colocar frases em cédulas de dinheiro, mas se gastar para melhorar a sociedade e deixar de se corromper por dinheiro.
 
 
Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo.
A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como vos convém responder a cada um.
Colossenses 4:5-6
 
 
 
 
Meu reino não é deste mundo,
Lá o louvarei face a face
Andre Luiz

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Já hospedei anjos!

  Muitos querem tocar em anjos, vê-los, outros querem discutir o "sexo dos anjos". Entretanto, a Bíblia diz ser possível "hospedarmos" anjos.
  Enquanto há quem abrace a face mística dos anjos, eu prefiro ficar com a parte que além de bíblica, a meu ver é bem mais interessante. Reconheço que desperdicei excelentes oportunidades de hospedar anjos porque julguei pela roupa, julguei a qualidade do "português", ou até mesmo "fui na onda" do que outras pessoas disseram acerca daqueles que com certeza seriam anjos na minha vida.
  Os anjos que premiam aos bons hospedeiros, são aqueles que ao nos visitar, ao pousar em nossa casa, trazem edificação, trazem alegria, por vezes apenas uma frase, mas que faz toda diferença.
  Anjos que não aceitam adoração, que não são alvos de idolatria, anjos que não fazem exigências, têm prazer em serem generosos, compartilham experiências, sempre chegam para somar. Não apresentam-se com necessidade de aparecer, não querem ser lembrados por seus nomes, mas como despenseiros de Deus, servos, apenas servos Dele.
  Obrigado Senhor, por todos os "anjos" que já hospedei em minha casa e que hoje, carinhosamente moram no meu coração.
 
  Não vos esqueçais da hospitalidade, porque por ela alguns, sem o saberem, hospedaram anjos. Hebreus 13:2
 
  Anjos, já hospedei alguns
  Andre Luiz

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Indecisão, anestesia do mal


   Indecisão é bicho mal, acaba com a gente. Anestesia, mas é inoperante. Nos "protege" diante das indagações: O que você vai fazer? Ainda não sei...  Estou indeciso! Pronto, estamos "protegidos" porque ainda não estamos decididos.
  A indecisão contraria a Fé, e sem qual nenhum de nós agradará a Deus. 
Quando estamos decididos, temos que enfrentar consequências, sem enfrentamento não existe vitória. Sobram elucubrações, pensamos com exagero, sem chegar a nenhuma definição. A indecisão interrompe a caminhada da vida.

  O melhor a fazer é estar em Deus e com Ele tomarmos as melhores decisões. Não será fácil, o caminho é estreito mesmo, contudo, só preciso saber o lugar do próximo passo, não é preciso muito "espaço", somente que caibam os nossos pés.
 
Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; Não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna.
Mateus 5:37
 
 
 
Voto sim
Custe o que custar
Andre Luiz 

domingo, 11 de novembro de 2012

"Os ventos do norte fizeram os Vikings"

  Os ventos do norte fizeram os Vikings, diz o ditado escandinavo. Ao contrário do que um leitor desavisado possa pensar, os ventos do norte eram "ventos contrários".
 Vindos das terras gélidas do norte, entre o fim do século VIII e a metade do século XI esses guerreiros escandinavos aterrorizaram boa parte da Europa, e ficaram com fama de implacáveis. A ausência de recursos naturais suficientes para todo o povo, a escassez de alimentos fez com que saíssem em busca do que lhes faltava. O campo de batalha para eles era como que um "paraíso" e a recompensa de cada vitória na crença deles, seria comemorado diretamente com o deus no qual acreditavam.
 Não desista quando estiver diante de ventos contrários, não abra mão da sua Fé nos momentos difíceis, não esmoreça ao topar com a primeira pedra do caminho, não retroceda diante dos ataques dos invejosos.
  Seja conhecido como alguém que faz dos "ventos contrários" da vida, motivação para continuar, faça da escassez o desafio, da adversidade uma grande possibilidade. Alguns o tomarão como "bárbaro" mas Deus te chamará vencedor.

Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono.
Apocalipse 3:21

De volta a Lisboa,
Vencendo em Cristo
André Luiz




quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Biafra e o Sonho de Ícaro

  Andando na praia com a minha mãe vi o Biafra passar. Acho que todo mundo que pensa no Biafra faz imediatamente a ponte com a música mais famosa dele (há quem diga que é a única), Sonho de Ícaro.
  Comecei a rir sozinho, minha mãe pensava que era algum amigo meu, ela não o reconheceu e eu achei cômico e interessante pensar que ele que tanto cantou que queria voar, estava todo esbaforido e suado correndo para tentar manter a forma.
  Fiquei pensando, o homem sonha em voar mas o máximo que consegue é correr e ficar exaurido como vi o Biafra. Tentamos, tentamos, e morremos literalmente na praia! Sozinhos, sem Deus, somos apenas candidatos ao cansaço da alma. Sem Jesus temos apenas uma certeza em nossa agenda de vida, a de que um dia vamos morrer.
  O sonho de Ícaro na mitologia grega, era sem dúvida, a liberdade e o poder de alcançar todos os lugares. Mas onde até onde podemos ir sem Deus? Ícaro era filho de Dédalo, dos mais criativos e habilidosos de Atenas, sendo capaz de criar um labirinto para aprisionar o Minotauro (não confundir com o Nogueira). Eu e você quando aceitamos a Jesus, somos feitos filhos de Deus, que é o Criador dos Céus e da Terra, e o único capaz de aprisionar Satanás.
 Foi Dédalo, pai de Ícaro que ajudou-o e ensinou-o a voar. É somente em Deus que conseguimos voar! É Nele que aprendemos como sair do chão, no momento em que sentimos a Sua maravilhosa presença!
 Torço sinceramente para que o Biafra aprenda a voar com o Criador e naquele Grande Dia suba com Cristo!

 Voar, voar
 Subir com Cristo
 André Luiz 

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Um perfume chamado Santidade

  Por esses dias ouvi algo que mexeu comigo. Uma voz doce e suave que causou um terremoto dentro de mim. Danos, prejuízos, destroçando minha carne. Sementes para um novo ser que me aguarda. Com toda certeza, não consigo ser a mesma pessoa diante de tão grande revelação.
 Santidade é um perfume que atrai a presença de Deus. Uma fragrância que Ele busca e dificilmente encontra dentre a Sua suprema criação: o ser humano. 
 - Adão, onde estás?
   Aquele que feito da terra tinha cheiro do céu, aquele que dantes anelava pelo encontro diário com o seu Criador, agora fugia da Sua presença.
  Veio Jesus, o Filho do Homem, trouxe o céu para a Terra, trouxe a vida morrendo numa cruz, suou sangue   e ainda assim exalou o melhor perfume que os céus já sentiram.
  Mas onde está esse perfume? Onde estará Deus? Da morte de cruz comprou-nos o "perfume" da Salvação! Diz-nos ainda, que basta crer para sentir (não confundir com sentir, para só então crer). Só vejo o que não vejo, só sinto com indizível intensidade o que tanta gente à minha volta ainda não consegue sentir, só decifro o enigma do som do céu, que quem não o conhece não consegue perscrutar, quando tenho em mim o perfume, esse perfume chamado Santidade.
  Esse perfume arrebata-me os sentidos, aqueles que antes estavam expostos à todo mal cheiro de morte, a todo odor mau de angústia, indiferença, desgraça e destruição. O que antes era morte certa, passa a ter cheiro de vida até que venha a plena vida na qual estaremos tão perto Dele, que o veremos face a face.

Esforcem-se para viver em paz com todos e para serem santos; sem santidade ninguém verá o Senhor. 

Hebreus 12:14

 Quero esse perfume
 Quero ver Jesus 
 André Luiz 

Obsessão ou Foco?

  Pensei em escrever sobre "obsessão" e até descobri que nem sabia como se escreve. A gente não gosta dessa palavra, preferimos chamar, por puro disfarce, de "foco".
  Ninguém quer admitir que é exagerado, prefere ser chamado de "excelente". Não queremos ser tomados como "estranhos" nos julgamos "acima da média". 
  A verdade é que constantemente somos tomados por comportamentos obsessivos que queremos fazer parecer fruto de alguém dito "focado". Não damos atenção à família e nos justificamos dizendo que estamos centrados no trabalho. Apostamos todas as "fichas" em nossos objetivos, não damos atenção aos bons conselhos que recebemos, alegamos que ninguém pode nos parar, sem saber que estamos sendo enganados pelo nosso próprio coração.
  Tomo cuidado com essa história de estar '"focado". Com essa "desculpa" muitos encontram-se redondamente enganados. Peço paz à Deus, para então livre de obsessões, possa tomar as melhores decisões. Aliás, são as obsessões que atrasam a nossa vida, nos tiram a sensibilidade e nos roubam a sensatez. O exagero nunca é bom. Às vezes é difícil admitir, mas estamos diante de ansiedades que não nos levam a portos seguros. O que por vezes chamamos de "foco" é na verdade um "suFOCO". Eu quero respirar o ar que traz o aroma do céu e que levemente me direciona para o caminho certo. 

  Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela.
Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono.

Salmos 127:1-3

  Porque com conselhos prudentes tu podes fazer a guerra; e há vitória na multidão dos conselheiros. 

Provérbios 24:6

  Buscando a paz
  Andre Luiz


terça-feira, 30 de outubro de 2012

Furacão "Sandy"

  Quem somos nós diante de um furacão? Um dia atarefado, cheio de ocupações, mas, uma palavra de ordem recomenda que ninguém saia de casa. A visita ao parente hospitalizado, protelada por algumas semanas terá que esperar. A apresentação do filho na broadway já não vai acontecer, o plano era aproveitar a ocasião para um reconciliação, afinal o filho disse que era gay e o pai o expulsou de casa. 
  A sensação que dá, é que temos que fazer algumas coisas antes do "furacão". Aproveitar todo tempo possível para estar bem com o maior número de pessoas. Resolver questões antigas, evitar inimizades, fazer o bem, transformar realidades.
  Às vezes o "furacão" precisa vir, para despertar-nos. Às vezes só depois do furacão a gente acorda. Um furacão que nos escancare que nem tudo é resolvido com dinheiro. Um reboliço que revele quem somos e qual é o nosso lugar diante da soberania de Deus. 
  Não quero esperar pelo furacão. 

  Deus proteja os Estados Unidos da América
  In God we trust
  André Luiz 

domingo, 28 de outubro de 2012

"Salve" a minha paciência

  É triste pensar que muita gente lutou pela liberdade de expressão, mas pouca gente sabe o que fazer com a liberdade. Tão cara, tão preciosa, mas tão desgastada.
  Deveríamos ser livres para falar de coisas boas, para compartilhar nossas melhores experiências, transmitirmos nossas melhores impressões de tudo que vamos vivendo que valha a pena. Mas infelizmente, me parece que ainda somos "escravos" das palavras de desânimo, prisioneiros dos nossos preconceitos, funcionários da vontade de ganhar em qualquer conversa, achamos que podemos ofender a religião das pessoas, achamos que somos livres e por isso temos licença para ferir as convicções religiosas uns dos outros, profissões de fé que nos fazem mais parecidos com assassinos implacáveis que "matam" por prazer.
 Precisávamos ser livres, aproveitar a liberdade para respeitar as diferenças, amar a diversidade, aproveitar nossa fé para distribuir carinho, abraçar as pessoas, sermos livres para espalhar esperança, encontrar ainda que no desencontro, curar sempre, ferir jamais.
  Sou livre para dizer tudo o que quero, mas submisso e sempre "escravo" do amor. Deixem as pessoas assistirem o que quiserem na televisão, falem menos e façam mais. Os frutos falarão mais alto que as nossas ofensas!

  Livre para dizer
  Sobretudo para amar
  André Luiz
  

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

O Colecionador de Livros

  O nome dele era Deodato, adorava colecionar livros, nenhum deles contava a sua propria historia, pois a sua propria historia, nem ele conhecia. Era suficiente a sensacao de poder "possuir" os livros, em demonstracao de poder, adorava gabar-se dos titulos raros que possuia, as linhas e os versos dos tantos e diversos exemplares nao entravam nele, apenas o sentido de pertenca que cada um lhe conferia.
  Deodato, nunca havia procurado saber quem na verdade eram seus filhos, qual era a historia que cada um deles estava a construir, nunca procurara compreender qual era o proposito de sua vida aqui neste planeta, sabia observar as estrelas, as conhecia pelo nome, mas nao sabia o que era sonhar ao contempla-las. Conhecia os pormenores dos assuntos mais complexos, mas nao tinha identidade, era apenas um colecionador de livros.
  O sentimento de posse, faz do ser humano um fugitivo de si mesmo, faz dele alguem que mesmo nao sabendo para onde vai, pode fazer as pessoas pensarem bem a respeito dele. Colecionam, arrecadam, estocam, mas nao vivem, nao sonham, nao estao cumprindo nenhuma missao, pois nem sabem que a vida e mais do que colecionar livros.
  Escrever a propria historia nem pensar, acreditar que Deus pode escreve-la, seria submissao ao desconhecido que nao se pode colecionar. Crer seria diminuir-se. Conhecer-se seria muito mais complicado do que conhecer coisas complicadas que nao levam a lugar nenhum. Muitos livros, poucas vivencias.
  Deus, escreva minha historia, permita-me sonhar com ela e vive-la. Da-me a chance de conta-la para minhas filhas. Nao permita que eu seja apenas um colecionador de livros.

  Conheco alguns Deodatos
  Andre Luiz

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Desencontros e Desencantos

  Uma forma bem direta de Deus demonstrar que Ele é soberano na minha vida são os "desencontros" dela. Pensar que eu quero encontrar alguém, planejar esse encontro e ele ao final não acontecer, faz-me perceber e "cair na real" que eu não mando em nada na minha vida! rs
  Vivemos os encantos das possibilidades dos encontros na vida, mas é fosca a nossa visão de que Deus também fala nos desencantos causados pelos desencontros. As coisas não acontecem como a gente quer não porque Deus faz birra ou quer revelar sua força, mas principalmente o seu amor. 
  Ficamos encantados com a chance de alguns encontros, ficamos ansiosos, o coração bate mais acelerado, ficamos como que cegos, mas o "dono da vida" promove os desencontros que ao fim e ao cabo sempre nos levam a encontrá-lo. Desencantos de quem sabe que alguns "encantos" são para nos derrubar! Coisinhas desse nosso coração que de bom amigo é um excelente enganador. 
  Ai meu Deus! Preciso te agradecer pelos desencontros, por tudo que eu marquei na minha agenda, mas não estava marcado na Sua. Por todo desencanto, que não deve ser celebrado com pranto e nem causar espanto, pois é Deus amando a sua criação, é Deus nos encontrando. Esse é o verdadeiro encanto da vida!

 Fica pra próxima amigo
 Fica pra quando Ele quiser
 André Luiz

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Iuuupii!

  Quem não se lembra de ter brincado na infância, daquela brincadeira em que o pai joga o filho pra cima e depois volta a pegá-lo, beijá-lo e abraçá-lo? Num misto de amor e confiança, pai e filho se desfrutam, aproximam-se. Sem contar aquele frio na barriga da criança, mesmo sabendo que o pai vai acudi-lo, não consegue evitar aquela característica sensação.
  Os anos se passam, o meu pai já não consegue fazer essa brincadeira comigo, aliás seria uma brincadeira de péssimo gosto com ele rsrs. A gostosa brincadeira, dá lugar a novas emoções, novos desafios, novas realidades. A confiança e o amor continuam, agora nuançados por outras circunstâncias. O "iuupi" fica na lembrança de quem um dia foi criança nos braços do papai.
  Acontece é que com Ele, com o Pai celestial, a "brincadeira" continua! Ele me joga pra cima, eu penso que vou cair, mas Ele sempre me abraça, não deixa de me colocar no colo, nunca nega um "beijo". Às vezes insisto em desconfiar, me pego teimando sobre tudo o que Ele me diz, talvez perdendo o melhor da Fé, que é gritar "iuupi" crendo e confiando que Ele sabe o que está fazendo.
 
 Te amo Deus
 E não estou de brincadeira
 André Luiz

domingo, 7 de outubro de 2012

We carry, you fly

 
 We carry, you fly. Este é o slogan de uma empresa de transporte de cargas aéreas em Portugal. Como prestadora de serviço que é, sua estratégia é interessante, a gente faz o serviço pesado e você voa. A parte difícil fica conosco, a parte prazeirosa fica para o cliente.
 Na vida há quem fique com a parte mais difícil para facilitar-nos a vida. Penso naqueles que plantaram árvores, mas não desfrutaram da sombra delas. Reverencio aqueles que morreram em combate e deram a vida para que  seus países se tornassem livres. Respeito todos os pais que deixam de "curtir" a vida para que os seus filhos o possam fazê-lo. Admiro cada homem que carrega o pesado, num gesto de romantismo poupando suas esposas. Aplaudo cada atleta que luta incansavelmente por uma medalha que depois de conquistada, traz alegria a toda uma nação.
 Obrigado Jesus por carregares o madeiro, para que nós pudéssemos voar em direção ao Pai, venceste a morte para que nós obtivéssemos a vida eterna.

Obrigado Papai e Mamãe
Que tempo incrível estou passando com vocês
André Luiz



segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Terapia de Cristo


Não posso mudar tudo, mas posso mudar muito

  Não posso mudar tudo, mas posso mudar muito. Posso fazer pequenas mudanças e com elas fazer a "maior" diferença. Não precisa ser tudo de uma vez, há um sabor especial quando as coisas acontecem pouco a pouco. Não preciso trocar as janelas, que tal mudar os cortinados? Não é preciso trocar a cama, um novo lençol criará um novo ambiente. Uma corrida de cavalos em que o vencedor alcança a vitória com uma ligeira diferença do que vinha atrás. Em pouco tempo ninguém se lembra do segundo lugar, somente do primeiro, aquele que ganhou com um "focinho" de diferença!
  Uma conversa que poderia ser totalmente diferente se dissesse: "Perdoe-me", O dia de alguém que poderíamos ter mudado se disséssemos: "Como você está bonita hoje"! Um prego na parede para pendurar as chaves que andam sempre perdidas, cinco minutos de leitura do livro comprado e esquecido na mesinha de cabeceira. Um breve telefonema para alguém que não vemos há muito tempo. Sei lá, não custa assim tanto!
  Pequenas mudanças. Fulano é tão bom, só falta mudar "nisso", é que ele exagera um pouco "naquilo". Tanto esforço, empreendendo tantas coisas, tanto sacrifício, poucos resultados. Calma! Não é preciso que aconteça tudo ao mesmo tempo. Um passo após outro. Uma caminhada, uma jornada. Uma missão, um firme propósito. A convicção de que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus.

Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono.
Salmos 127:2



Nada como um dia após o outro
André Luiz

sábado, 29 de setembro de 2012

Fazendo chaves no sapateiro?



  Precisava fazer uma cópia de uma chave. Andei às voltas procurando um chaveiro que pudesse resolver o meu problema. Dias se passaram e eu ouvi a mesma resposta repetidas vezes: "Não fazemos essa chave" "Talvez somente fulano a faça".
  No início não acreditei que só "fulano" poderia fazer. A teimosia fez-me andar um pouco mais. Em vão. Fui ouvindo casa vez mais a mesma resposta:"Só fulano", pode ajudar você.
  Até que um dia eu tive que passar pela porta dele, entrei e sem muita expectativa perguntei mais uma vez: "Vocês fazem essa chave aqui"? A resposta dele, foi de quem responde a alguma coisa que julgue óbvia: Claro! E eu que adoro conversar, comentei: "Fui a tantos lugares e não encontrei"? E ele rebateu: "Talvez você estivesse procurando fazer uma chave num sapateiro"! E eu sentindo-me derrotado por aquela excelente observação, só consegui dizer:"É verdade"!
  Quantas vezes a gente na vida procura as coisas nos lugares errados. Já sabemos que não vamos encontrar, por quê insistimos tanto? Queremos fazer uma chave, mas, procuramos um sapateiro. Sabemos que Jesus é a própria chave para a paz interior, sabemos que Ele tem as respostas que precisamos ouvir, e que ninguém tem, mas, julgamos os amigos, a família, colegas de trabalho, porque talvez gostaríamos que eles tivessem as respostas. Até que um dia a vida "empurra-nos" e nós reconhecemos que precisamos Dele, nos rendemos ante à soberania Dele, frente à vida (Ele venceu a morte), e paramos de procurar quem não pode resolver o nosso problema.
  Não fiquei sabendo o nome da pessoa que me atendeu, talvez ele nunca saiba o quanto foi importante para mim. Não deixe de falar aquilo que edifica, pode ser que ajude alguém a encontrar "o verdadeiro chaveiro"!

  Ele é a própria chave
  André Luiz 

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Treino "completo" em 30 minutos


  Passando por aí, vi uma tabuleta com os seguintes dizeres: "Treino completo em 30 minutos". Pensei duas coisas. Será que bastam apenas 30 minutos? Mas também tive que admitir que talvez percamos muito tempo com muita coisa, sem irmos direto ao assunto. Será que eles desenvolveram um método em que aproveita-se melhor o tempo de um treino?
  Acho que existe quem pense, que bastam 30 minutos para ser excelente no que quer que seja, mas também, aqueles que desperdiçam tempo em coisas que não edificam ou resistem, irem direto ao assunto. Será que um bom esposo é aquele que dedica-se a sua esposa apenas "30 minutos"? Outrossim, será que deixar de fazer o principal, o que é mais importante, para fazer outras muitas coisas secundárias, irá resultar?
  Fiquemos todos avisados: A satisfação e o entusiasmo vêm de dentro, e não moram conosco apenas "30 minutos". A excelência e a eficiência não residem em gente atrapalhada, que "fazem tudo e não fazem nada".
  Jesus deu a vida por nós e não somente "30 minutos", ouve o clamor do Seu povo em todo o tempo. De igual modo, foi exemplo na gestão do tempo. Cumpriu sua missão redentora, sem deixar nada por fazer e sem fazer nada que não apontasse para o seu propósito na Terra.
  Faça por inteiro e não perca tempo!
 
Remindo o tempo; porquanto os dias são maus.
Efésios 5:16


Em todo o tempo sejam alvas as tuas roupas, e nunca falte o óleo sobre a tua cabeça.
Eclesiastes 9:8


Te dou a minha vida inteira,
E quero servir-te em todo o tempo
Andre Luiz

sábado, 22 de setembro de 2012

Herodes, Gente invejosa e Sanguessuga

Enviou-os a Belém e disse: "Vão informar-se com exatidão sobre o menino. Logo que o encontrarem, avisem-me, para que eu também vá adorá-lo".
Mateus 2:8


 
  Gente estilo "Herodes" existe em todo lado. Gente invejosa, gente que quer saber da sua vida, da mesma forma que um sanguessuga do sangue dos outros animais.
  O Salvador iria nascer como os profetas já haviam predito. Havia quem quisesse adorá-lo, gente sincera e esforçada. São aqueles que percorrem o caminho da busca espiritual e não medem esforços até terem um encontro com Jesus, alguns até conhecerem a Cristo, chama de "encontrar-se consigo mesmo".
  Entretanto, há sempre os "herodes de plantão". Querem saber do motivo da sua felicidade, para então tentar frustrá-la. Querem saber porque tanta alegria, para se possível ceifá-la. Arrogantes seres que acham que ninguém pode ser feliz. Querem saber de tudo para tudo poderem controlar.
 Só de chegar perto de gente assim, causa-nos arrepios. Parece que posso vê-los, semblante descaído, prontos para dizerem que não vamos conseguir. Preparadíssimos para fincar a espada do medo em nosso peito.
  Mas o fim da história foi outro. Jesus veio, disse tudo que a humanidade precisava ouvir, e ensinou tudo aquilo que deveríamos já ter aprendido. Nem a morte o tragou. Sugaram todo o seu sangue, mas ao terceiro dia Ele deu vida a todos que se arrependessem. Cuspiram-lhe o rosto, Ele perdoou, zombaram Dele, mas Ele até na Cruz, falou de um Reino em que gente invejosa não entra, sanguessugas não existem, um Reino em que Herodes não é rei. 
  O mundo se enganou, aquele humilde homem que viveu entre nós era o Rei dos Reis.
 
 Herodes está morto
 Jesus vive e reina
 André Luiz